fbpx

Índice do artigo

6. Meditação
Louva Sião o Salvador”:
«Eis aqui o pão dos anjos,
feito pão dos peregrinos,
que não deve profanar-se.

Em figuras proclamado,
como Isaac hoje imolado,
é Cordeiro e maná puro.

Ó Jesus, ó Bom Pastor,
verdadeiro pão da vida,
defendei-nos e salvai-nos.

Vós que tudo conheceis,
consenti que à vossa mesa
nos sentemos para sempre» (Lauda Sion Salvatorem).

Façamos silêncio. Ouviremos Deus a falar-nos no mais profundo de nós mesmos. A Eucaristia é este encontro, este abraço de Melquisedec que nos faz experimentar o amor exclusivo de Deus. Toda a bênção começa com a escuta. Hoje é um dia para escutar Deus e adorá-Lo.
7. Oração
“Esta viva fonte que desejo, em este pão de vida, aí o vejo, embora à noite” (S. João da Cruz). Bendiz, ó minha alma o Senhor. Espera o Senhor que vai passar frente à tua porta. Ele que “alimentou o seu povo com a flor da farinha e saciou-te com o mel dos rochedos” (Sl 80,17). Ele que nos deixou o memorial da sua paixão nos faça participar da sua divindade, prefigurada neste mistério” (liturgia). Caminho atrás do vento e do sol e Te desejo, Senhor. A Tua dádiva mais preciosa neste sacramento alimenta-me para a vida eterna.

8. Contemplação
8.1 Transformar-se em mãos eucarísticas
Ter mãos eucarísticas para tratar o irmão doente
para regressar à vida para que a seiva do amor circule intensamente.
Comungar com os critérios evangélicos do amor, da solidariedade e da partilha.
Com tudo o que tenho e tudo o que sou.
Numa vida espiritual alimentada e cuidada, para crescer e ser fecunda.
Dar tudo é a medida de Deus e a lógica do Evangelho
Numa casa de canseiras, rosto modelado pelas lágrimas, limado pelos sorrisos, sacramento
de encontros, retorno à vida de amor, compreensão e perdão
Deixando-se envolver no manto da ternura de Deus.
8.2 Sequência
Terra, exulta de alegria,
Louva o teu pastor e guia,
Com teus hinos, tua voz.

Quanto possas tanto ouses,
Em louvá-l’O não repouses:
Sempre excede o teu louvor.

Hoje a Igreja te convida:
O pão vivo que dá vida
Vem com ela celebrar.

Este pão – que o mundo creia –
Por Jesus na santa Ceia
Foi entregue aos que escolheu.

Eis o pão que os Anjos comem
Transformado em pão do homem;
Só os filhos o consomem:
Não será lançado aos cães.

Em sinais prefigurado,
Por Abraão imolado,
No cordeiro aos pais foi dado,
No deserto foi maná.

Bom pastor, pão da verdade,
Tende de nós piedade,
Conservai-nos na unidade,
Extingui nossa orfandade
E conduzi-nos ao Pai.

Aos mortais dando comida,
Dais também o pão da vida:
Que a família assim nutrida
Seja um dia reunida
Aos convivas lá do Céu

Siga-nos

Visite as livrarias

Quem Somos

Somos uma editora católica, fiel ao carisma de S.João Bosco. Especializados em catequese e pastoral juvenil, estamos em Portugal há quase 70 anos. "Educação e Evangelização" é o nosso lema. Temos lojas próprias nas cidades do Porto, Lisboa e Évora e estamos presentes nas principais livrarias católicas portuguesas.

Contactos

Rua Duque de Palmela, 11
4000-373 PORTO

(+351) 225 365 750

edisal@edicoes.salesianos.pt