Também a catequese tem que aprender a ser paciente e misericordiosa. Esse é o estilo de Deus e de todas as acções da Igreja.

 Portanto, sem diminuir o valor do ideal evangélico, é preciso acompanhar, com misericórdia e paciência, as possíveis etapas de crescimento das pessoas, que se vão construindo dia após dia (EG 44)

Roma e Pavia não se fizeram num só dia! É importante ter claros os ideais do Evangelho. É essencial não atraiçoar a fidelidade ao Evangelho de Jesus, o único que salva. Mas a adesão a Jesus não é um interruptor, ligado ou desligado. Não é uma questão de acreditar ou não acreditar. A fé é também uma experiência humana. E como todas as experiências humanas, é preciso tempo para que a vida de uma pessoa seja transformada à luz de Deus.

A catequese que fazemos tem de ser realmente pedagógica. Tem de saber encontrar as pessoas onde elas estão; e não onde nós gostaríamos que estivessem. Tem de as acompanhar num caminho acessível. À velocidade que lhe é possível. E não à velocidade que está mandada ou que nos agrada.

Não é mais possível continuar a decretar que a iniciação cristã deve estar terminada aos 16 anos, quando todos sabemos que chegar à maturidade, em todos os aspectos da vida, leva hoje mais tempo.

A fazer:

+ Em que aspectos da catequese real se nota que não há atenção em relação aos ritmos e possibilidades dos catequizandos e famílias?

+ Que adaptações têm sido feitas na tua comunidade para adequar a proposta catequética às condições das pessoas?

Próxima Catequese - Catequese 07 - Sem ansiedade

Catequese Anterior - Catequese 05 - Comunidades pro-activas

 

Siga-nos

Visite as livrarias

Quem Somos

Somos uma editora católica, fiel ao carisma de S.João Bosco. Especializados em catequese e pastoral juvenil, estamos em Portugal há quase 70 anos. "Educação e Evangelização" é o nosso lema. Temos lojas próprias nas cidades do Porto, Lisboa e Évora e estamos presentes nas principais livrarias católicas portuguesas.

Contactos

Rua Duque de Palmela, 11
4000-373 PORTO

(+351) 225 365 750

edisal@edicoes.salesianos.pt