fbpx

A primeira reunião de grupo é muito importante. É o pontapé de saída do novo ano de caminhada. Como catequista, deves tentar tirar o maior partido do entusiasmo inicial.

 Partilhamos 3 técnicas que poderás usar para trabalhar o espírito de grupo e os conteúdos do teu itinerário de catequese desse ano.

As técnicas foram pensadas para a catequese da adolescência mas podem ser adaptadas a outras idades.

Estabelecer objectivos/metas a partir do título do catecismo ou identificar atitudes necessárias aos membros do grupo para que o ano corra bem. 

A técnica consiste em pensar numa palavra a partir de cada uma das letras que formam o título do catecismo. 

Escreve cada uma das palavras (ou apenas uma delas) numa folha diferente e, em grupo, pede que se tente pensar numa palavra para cada uma das letras. 

Por exemplo, "Arriscar a mudança". Escreve, na vertical, a palavra Arriscar e vai completando com as sugestões dadas.

                                 cAlma

                                 Recomeçar

                                 Rezar

                                 Igreja

                               ESperança

                                Compromisso

                                Amizade

                             g Rupo

Identifica uma folha A4 por cada ano catequético que o grupo já tenha tido. Se o teu grupo iniciar agora o 7º ano, terás de ter 6 folhas diferentes, onde no cimo de cada uma deverás colocar o ano e título do catecismo. Espalha as folhas pela sala e pede aos membros que, à vez, escreva em cada uma, uma experiência marcante que tenha tido nesse ano de catequese.

Se calhar alguns escreverão “Primeira Comunhão” na folha que corresponde ao 3º ano, “Primeiro retiro de grupo” no 5º ano, “Festa de Natal” no 2º ano… As experiências podem ser variadas. Deixa que cada um escreva livremente. Depois de uma partilha em voz alta, sintetiza as ideias apresentadas e faz a ponte com as expectativas que cada um terá para este ano. Faz o cruzamento entre essas expectativas e os objectivos que são propostos pelo catecismo. Com entusiasmo, revela um pouco sobre os temas e actividades que terão ao longo do ano.

Cada membro do grupo deverá ter um marcador de uma cor diferente. O catequista (ou outro elemento voluntário) começa por colocar o seu nome no centro de uma folha. A partir daí, um de cada vez, deverá tentar colocar o seu nome integrado dentro dos nomes presentes na folha. Podem repetir o nome o número de vezes que quiserem, uma vez que a folha pode rodar várias vezes pelo grupo. É natural que, no fim, a folha esteja completamente cheia com os nomes sobrepostos. 

Salienta a importância de esta “unidade”não ficar apenas “no papel”. É importante que ao longo ano cada um tente encontrar os pontos em comum com os restantes elementos, em vez de se centrarem em eventuais diferenças. Se os nomes o permitirem, em conjunto, tentem ver onde é que o nome “Jesus” pode ser inserido na “embrulhada de nomes”. Independentemente de isso ser possível, refere que o que alimenta a vossa união é a Palavra de Deus e o testemunho de Jesus.

Convida à escuta da canção “Um Só Senhor” (livro/cd “Um só Senhor”).

Esperamos que este artigo te seja útil.

 

 

Siga-nos

Visite as livrarias

Quem Somos

Somos uma editora católica, fiel ao carisma de S.João Bosco. Especializados em catequese e pastoral juvenil, estamos em Portugal há quase 70 anos. "Educação e Evangelização" é o nosso lema. Temos lojas próprias nas cidades do Porto, Lisboa e Évora e estamos presentes nas principais livrarias católicas portuguesas.

Contactos

Rua Duque de Palmela, 11
4000-373 PORTO

(+351) 225 365 750

edisal@edicoes.salesianos.pt