fbpx

Foi notícia o massacre de quatro missionárias da caridade (fundadas por madre Teresa de Calcutá), no Iemen, na sequência de um ataque do ISIS.

 

O Papa comentou o sucedido, condenando a violência sem sentido.

Na ocasião do ataque estava na capela um missionário salesiano, o padre Tom Uzhunnalil , oriundo da Índia, que se encontra desaparecido.

Segundo a ANS

Quatro Irmãs Missionárias da Caridade, Congregação fundada por Madre Teresa de Calcutá, foram trucidadas por um comando de homens armados que atacaram nesta manhã o convento delas, na cidade iemenita de Áden. Neste momento não se têm notícias do salesiano indiano P. Tom Uzhunnalil que residia no convento das Irmãs. A notícia foi confirmada à Agência Fides por fontes do Vicariato Apostólico da Arábia Meridional.

Além das Irmãs, foram mortos durante o ataque terrorista também o motorista e ao menos outros dois colaboradores etíopes da comunidade, enquanto a superiora do convento escapou da morte. Também estão vivos os idosos e portadores de deficiências residentes na comunidade, enquanto no momento não se têm notícias do P. Uzhunnalil, que residia no convento das irmãs, depois que a igreja da Sagrada Família de Áden fora saqueada e incendiada por homens armados não identificados em setembro passado.

Duas das irmãs mortas eram de Ruanda, uma da Índia e a quarta do Quênia. Neste momento, a superiora do convento está dando informações à polícia, que mantém em custódia os corpos das pobres Irmãs e demais vítimas.

Não se têm notícias da matriz da agressão terrorista, mas é sabido que na cidade costeira iemenita, reconquistada meses atrás pelas forças fiéis ao presidente Abdel Rabbo Manour Hadi, em luta com rebeldes houthi, estão radicados grupos ligados à rede al Qaida.

Francesco Cereda, que substitui o superior dos salesianos a nível mundial fez ontem (5 de Março) esta declaração:

A situação é ainda incerta e não estamos em condições de fornecer mais detalhes sobre o que poderia ter ocorrido ao nosso irmão e onde poderia estar neste momento. Estamos entretanto em constante contato com as autoridades locais e com a sua Inspetoria de referência, para receber as atualizações relativas às diligências em andamento, esperando de coração poder reabraçar quanto antes o nosso coirmão.

A nossa oração sentida e profunda é, pois, pelo P. Tom Uzhunnalil, na esperança de que possa não só estar rapidamente entre nós mas também continuar o precioso serviço que estava a desenpenhar junto à sua missão.

A nossa lembrança volta-se às quatro Missionárias da Caridade e aos Civis que tiveram suas vidas ceifadas por uma violência insensata, na esperança fundada de que em Cristo toda gota de sangue derramado é semente de frutos de paz para o povo a que estavam servindo.

Assim como Dom Bosco e Madre Teresa fizeram do serviço aos últimos a missão da própria vida e o caminho para a própria santidade assim também a nossa permanência em lugares marcados pela divisão e pela pobreza testemunha a Fé na mensagem cristã de que de cada cruz brota a Ressurreição

Siga-nos

Visite as livrarias

Quem Somos

Somos uma editora católica, fiel ao carisma de S.João Bosco. Especializados em catequese e pastoral juvenil, estamos em Portugal há quase 70 anos. "Educação e Evangelização" é o nosso lema. Temos lojas próprias nas cidades do Porto, Lisboa e Évora e estamos presentes nas principais livrarias católicas portuguesas.

Contactos

Rua Duque de Palmela, 11
4000-373 PORTO

(+351) 225 365 750

edisal@edicoes.salesianos.pt